Personalidade esquizoide

Personalidade esquizoide: o que é?

Apesar de como o nome possa soar, o transtorno da personalidade esquizóide não é uma forma de esquizofrenia, um transtorno mental que faz com que alguém tenha alucinações ou delírios e se desconecte da realidade.

Em vez disso, o transtorno da personalidade esquizóide está totalmente amarrado à realidade. É um distúrbio incomum em que falta a alguém o desejo de estar socialmente ou intimamente conectado a outras pessoas; eles também podem parecer retraídos ou indiferentes.

A principal característica do transtorno de personalidade esquizóide é um sentimento de alienação e desconexão com os outros. Aqueles que têm esse transtorno de personalidade têm dificuldade em se relacionar e compreender as outras pessoas, em parte devido à falta de compaixão ou empatia.

Se você está interagindo com alguém com transtorno de personalidade esquizóide, pode considerá-lo “frio, indiferente e desinteressado”. Esse distanciamento pode surgir da incapacidade de ler e se relacionar com os outros. Ao mesmo tempo, porém, isso não significa que eles não se importem.

O que é transtorno de personalidade esquizóide?

Em primeiro lugar, ajuda saber o que é um transtorno de personalidade. Embora sua personalidade possa torná-lo único como ser humano, um distúrbio é caracterizado por “pensamentos, sentimentos e comportamentos que se desviam das expectativas da cultura, causam angústia ou problemas de funcionamento e perduram ao longo do tempo”.

Mas nem todos os transtornos de personalidade são iguais. Os transtornos se diferenciam com base nas semelhanças que eles compartilham. Pois de uma maneira geral, os sintomas das pessoas que possuem o transtorno da personalidade esquizóide podem ser confundidos com uma pessoa que está em depressão e até mesmo com outros tipos de transtornos.

personalidade

Existem os transtornos de personalidade paranóicos, esquizóides e esquizotípicos. Eles são agrupados porque são considerados “estranhos” ou “excêntricos”. (O transtorno esquizotípico de personalidade é mais sobre ter ideias excêntricas – ainda mais pensamento mágico.)

O transtorno de personalidade esquizóide é comum?

Algumas estimativas mais antigas dizem que o transtorno da personalidade esquizóide é encontrado em apenas 1% da população, enquanto outras sugerem que pode ser encontrado em 3-5% das pessoas. Ou seja, uma porcentagem bem baixa, por isso esse tipo de transtorno é encontrado de maneira mais difícil nas pessoas, e como falamos, em algumas vezes é até confundido com os sintomas da depressão.

Ainda assim, é um distúrbio frequentemente diagnosticado erroneamente. Se alguém vier até mim com o diagnóstico, encorajo-o a buscar uma segunda opinião, pois é difícil atender aos critérios diagnósticos, dizem muitos especialistas. Outros transtornos podem se parecer com transtorno de personalidade esquizóide, como transtorno de personalidade esquiva (em que alguém evita o contato com outras pessoas por medo de rejeição).

Quais são os traços de comportamento do transtorno de personalidade esquizóide?

Para ser diagnosticado com transtorno de personalidade esquizóide, alguém mostrará persistentemente desapego e desinteresse nas relações sociais e não demonstrará emoções ao interagir com outras pessoas. Esses traços de comportamento e personalidade começam quando a pessoa é jovem.

De acordo com pesquisas realizadas também possuem pelo menos quatro das seguintes características abaixo:

  • Nenhum tipo de interesse ou prazer nos relacionamentos que são considerados mais íntimos, incluindo também com os parentes.
  • Forte preferência por atividades solitárias
  • Pouco, se houver, interesse em atividade sexual com outra pessoa
  • Desfrute de poucas atividades, se houver alguma
  • Geralmente não possuem nenhum amigo mais próximo aqueles que são considerados os melhores amigos, em exceção os familiares, mais conhecidos como parentes de primeiro grau.
  • Aparente indiferença em relação ao elogio ou crítica dos outros
  • Frieza emocional, desapego ou afeto 

Eles preferem atividades solitárias. Ao mesmo tempo, porém, muitas pessoas com esse transtorno de personalidade ainda desejam se relacionar com outras pessoas. Eles podem não parecer que se importam com a rejeição social, mas eles podem se importar em algum momento.

Pessoas que sofrem de depressão também podem se tornar socialmente retraídas, o que pode dificultar a distinção entre depressão e transtorno de personalidade esquizóide. Esse tipo de confusão pode acontecer de maneira comum se a pessoa que possui o transtorno não procurar por um especialista experiente e que já entenda do assunto. 

personalidade

Alguém que está deprimido pode parecer socialmente retraído durante os períodos de depressão e isso pode levar a confusão se o especialista não for altamente qualificado para esse tipo de transtorno.

Alguém com transtorno de personalidade esquizóide pode sempre ter esses traços. É um temperamento desconectado que existe quase desde o início. Porque começa cedo, você pode notar que eles tinham essas características ou preferência por ficar sozinhas quando criança, uma criança com transtorno de personalidade esquizóide pode ser socialmente condenada ao ostracismo na escola, e essa desconexão torna-se pior porque não desenvolve relacionamentos sociais.

Como o transtorno de personalidade esquizóide é tratado?

O transtorno da personalidade esquizóide pode ser muito frustrante para os entes queridos que desejam se conectar e se relacionar com a pessoa, mas acham extremamente difícil fazê-lo. A pessoa com transtorno de personalidade esquizóide geralmente aceita ser assim.

Dito isso, pode haver ramificações, como questões subindo em sua carreira ou geralmente se sentindo um estranho, que podem levar alguém a aceitar ajuda.

E a ajuda vem na forma de psicoterapia. Encontrar o terapeuta certo pode ser desafiador, e o paciente precisa persistir nisso. O terapeuta precisa respeitar seu espaço e não ser muito desafiador ou entrar em tópicos realmente emocionais. Em última análise, o objetivo é ajudar a chamar a atenção da pessoa um pouco mais ou ajudá-la a se esticar para se relacionar com os outros e encontrar motivação para se socializar.

A terapia nem sempre é um sucesso porque os traços associados ao transtorno da personalidade esquizóide estão presentes de maneira sólida no indivíduo. Dessa forma as terapias podem durar longos períodos e até contínua.

Um desafio com transtornos de personalidade é que, em geral, eles são inflexíveis e resistentes à mudança. Portanto, o objetivo do tratamento não é uma mudança significativa de personalidade. 

Mas eles podem aprender a reconhecer como são vivenciados pelos outros e desenvolver habilidades de enfrentamento para que eles não se sintam muito diferentes, e dessa forma consigam viver de maneira mais sociável, trazendo assim um bem estar maior para as suas vidas.

Como se conectar com alguém que tem transtorno de personalidade esquizóide

Muitas pessoas com transtorno de personalidade esquizóide passam muito tempo engajadas em videogames, pois encontram conforto em escapar para um mundo de fantasia, que oferece uma sensação de controle e uma oportunidade de interagir com outras pessoas de uma forma estruturada e menos intensa. 

Se você gostaria de se conectar com um amigo ou ente querido com transtorno de personalidade esquizóide, pode começar conversando com eles sobre algo de que gostam, como videogames ou outro hobby ou interesse. Com certeza eles vão se abrir mais para um tipo de assunto que conhecem e gostam, dando assim mais abertura para uma possível aproximação.

Para os entes queridos, junte-se a eles em seus interesses, mas não espere ou pressione por muita intimidade imediatamente, isso pode fazer com que a pessoa se sinta pressionada e essa forma não vai ser bem recebida. Esteja disponível, mas não intrusivo, uma boa maneira de iniciar uma aproximação é ser natural. Ame sem esperar uma demonstração aberta de amor. E perceba que você provavelmente é mais importante para a pessoa do que ela mostra.

Grupo Reabilitar e Viver pode ajudar com diversos tipos de tratamentos, entre em contato agora mesmo coma  nossa equipe de atendimento e tire todas as suas dúvidas.

 

1 comentário em “Personalidade esquizoide: o que é?”

  1. Pingback: Codependência Química: Entenda | Reabilitando Vidas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Abrir WhatsApp
💬 Precisa de Ajuda?
Olá 👋
Podemos te Ajudar?